A lei de Gerson

 A lei de Gerson. Você conhece o Gerson?
Gerson era o capitão da equipe brasileira na copa de 70. Ele fez uma propaganda de cigarros que se arrependeu depois.  Nessa propaganda ele falou “Por que pagar mais caro se o Vila me dá tudo aquilo que eu quero de um bom cigarro? Gosto de levar vantagem em tudo, certo? Leve vantagem você também, leve Vila Rica!”.  Daí veio a “lei de Gerson”
Muitos anos atrás, na final dos Jogos Abertos do Interior, São Bernardo jogava a final com um time que no papel era muito mais forte.  Final disputada em 4 jogos de simples.  Chegamos ao jogo na hora marcada, às 8 da manhã. O técnico de São Bernardo notou que o outro time só tinha dois jogadores e faltavam os dois mais fortes deles.  Fez a súmula e eu joguei de número 2.  O número 1 nosso deu desistência.  Chamaram o número 3 w/o,  o 4 também.  Dois a um São Bernardo. Venci um jogo no terceiro set e ganhamos o confronto, Nos jornais “ O Golpe de mestre de São Bernardo” Vencemos.  Certo? Não sei, até hoje um dos jogadores do outro time mal fala comigo por esse incidente.  Fica a vitória, mas o sabor amargo na boca.
Pois é galera, quantos Gersons a gente conhece? Imagino que muitos, pois eles estão por toda parte.  No tênis, no Beach Tennis, e em outros esportes, também.  Algumas atitudes do Gerson:
  1. Se tiver que trabalhar para arrumar algo chega tarde, se tiver que arrumar no final, dá uma desculpa e sai mais cedo.
  2. Se tiver que jogar com alguém mais fraco: está cansado, cede a vez, está treinando para campeonato, com alguma dor súbita.
  3. Conta vantagem de ser entrão ou fica na moita principalmente na hora de pagar.
  4. Finge que não viu, não sabia, não leu as regras……
  5. Não tem senso crítico.
  6. Você conhece alguma, deixa seu comentário?
Bom, coitado do Gerson um amante apaixonado pela esposa de 51 anos.
Mas a lei tem a ver com falta de ética e moral.   Como combater a lei de Gerson?  Não sei ao certo, mas aqui vão algumas dicas. Se você tiver algumas outras dicas, deixe seu comentário abaixo;
  1. Paciência
  2. Pense duas vezes antes de agir
  3. Afasta-se: Tinha um conhecido, famoso Gerson, sempre tirando vantagem.  Melhor solução, me afastei.
  4. Nunca brigue ou jogue na cara dele.  Perder tempo. O Gerson sabe fazer bem você vai passar como o maldoso.  Cria janelas killers,  que segundo o psiquiatra Augusto Cury fazem muito dano a nossa saúde.  E o Gerson, não aprende.
  5. Regras claras. Estou em Singapura, aqui as regras são claras e para todos. O sendo de coletividade e colaboração e muito forte. ” Juntos somos mais fortes’
No dia a dia, o que fazer:
  1. Seja tolerante.: O Gerson sempre vai jogar com os caras melhores se ele puder.
  2. Se faça de desentendido:  O Gerson sempre vai dar um jeito de se encaixar na melhor posição.
  3. Ignore:  Faça sua parte.  Deixe ele treinar com o melhor parceiro, ter a melhor dupla, puxar o saco do cara mais influente. Uma hora a casa cai, e se não cair, ele não é o Gerson, mas  sim o James Bond. ☺  Lembre do italiano Materazzi com o francês Zidane, na Copa do Mundo de Futebol de 2006?.
O cidadão Gerson, além de ser defensor da moralidade e dos bons costumes é Diretor do “Projeto Gerson” que tira crianças da rua em Niterói, Rio de Janeiro, fornecendo-lhes esportes, alimentação, plano médico e odontológico, acompanhamento pedagógico, nutricional e psicológico.
No Futebol, O Grêmio foi acusado de usar drones para investigar os adversários. Fato polêmico.
Enfim gente, aqui deixo uma frase que pesquisei na internet:  NUNCA ensinemos nossos filhos a usar expedientes a qualquer custo, tampouco dizer que “se é para ganhar, vale tudo”. O Mundo não deve ser dos Espertos, mas dos Justos.
Eu seguirei acreditando nas pessoas, confesso me decepciono muito com alguns relacionamentos.  Mas qual  e o segredo ?  Dar sem esperar qualquer retorno. Fácil falar, mas difícil ser esse altruísta que não só o Brasil, mas o mundo precisa.
Compartilhe!

Deixe uma resposta